sábado, 4 de maio de 2013

Esmalte e Saia Justa



Esmalte Mundial Impala Saia Justa. Duas demãos garantiram excelente cobertura. Impala costuma ser ralo, então abro o vidrinho e o deixo por alguns minutos sem tampa. Se necessário, repito a operação, e ele fica na textura de que gosto. Ele é um vermelho coral parecido com o Impala Maria Cereja, menos rosado que o Maria Flor. 





Tem um ditado popular que diz assim: "Deus nos deu dois ouvidos para ouvir e somente uma boca para falar". 

Muitas vezes, nós não usamos esses "equipamentos" proporcionalmente. Falamos mais do que ouvimos, e aí nos metemos em situações constrangedoras. 

Outras vezes, presenciamos cenas e sentimos vergonha alheia, que é a vergonha que temos quando outro paga mico, dá vexame, ou comete uma gafe. O tema da blogagem coletiva de esmaltes de hoje é Esmalte e Saia Justa.


Uma vez, uma amiga chamada Maria Scheidmann contou que estava grávida e que o bebê se chamaria Pedro. Eu adorei e disse: - que ótimo, que nome lindo! Detesto quando as pessoas põem nomes complicados nos seus filhos, como Washington, David (deivid), Michael (maiquel).

Maria me olhou séria e disse: - Meu marido se chama Wellington (tóinnnn). Eu sorri e remendei: -Ah, mas não fica feio não! Wellington combina muito bem com o sobrenome de vocês. Wellington Scheidmann fica perfeito. Pior seria se fosse com nome brasileiro, nada a ver!

Maria me fuzilou com o olhar, mas falou delicadamente: Scheidmann é meu sobrenome. Meu marido se chama Wellington da Silva.

Aí, morri de vergonha pela gafe, me contorci na saia justa e saí de ré, para nunca mais voltar.

Lógico que esses nomes foram trocados aqui para não expor as pessoas, mas todos são muito parecidos com o que contei. Minha amiga Cleci Camera estava comigo, e até hoje rimos juntas da vergonha que passei!



Uma vez, fui fazer as unhas em um salão longe de casa e perto do trabalho. Não conhecia ninguém lá. Quando a manicure veio me atender, ela caminhava como uma gansa, e eu logo vi que ela estava grávida. Sentou-se para fazer meu pedicure. Percebi que ela estava mal acomodada com a barriga de uns 7 meses e perguntei se gostaria que eu trocasse de lugar, para ela não "amassar" o bebê. E ela agradeceu, mas me avisou que não estava grávida. 

Nesse momento, eu me meti em uma saia justa,  e me senti pior quando a sua colega manicure começou a rir de nós. Tive jogo de cintura e encerrei a conversa: - "Ela pode não estar grávida, mas está magra e tem uma barriga grande, que parece gravidez. Eu fui gentil em me preocupar com ela e não tenho motivos para ficar envergonhada. E ela pode usar isso como alerta e fazer exames, pois não é normal uma moça jovem ter essa barriga se não estiver gestando".

Silêncio total no salão. Todos pararam para ouvir. E a manicure que me atendia disse que sim, que estava tratando um cisto, e me agradeceu por ter me preocupado com ela.

Saia justa, vexame, gafe, todos nós fazemos. Na primeira situação, fui muito ridícula em julgar a escolha dos outros, ainda mais uma escolha de nome de filho, que pode ter motivos sentimentais, além de gosto pessoal. Na segunda situação, eu apenas quis ser gentil. A intenção que nos move pode aumentar o nosso vexame ou suavizá-lo.

Quando alguém nos pede dinheiro emprestado e precisamos recusar, quando alguém se convida para vir à nossa casa e não queremos receber, quando as coisas nos atropelam, o importante é respirar e usar de sinceridade. 

Pior que cometer a gafe é tentar enganar a pessoa com mentirinhas. Já me meti em inúmeras situações de "saia justa", e as que não me  deixaram mal foram as que usei de total sinceridade. Rir da gente mesma também é bom, pois alivia o peso do momento.

Três coisas que aprendi com as minhas saias-justas:


* rir de si mesma alivia o vexame; 

* ser sincera nos tranquiliza, pois não precisamos ficar inventando desculpas; 

* na dúvida, não fale, somente ouça. Assim a gente ganha tempo para raciocinar e falar menos bobagem.

Fiquei com vontade de contar umas situações de saia justa que passei no twitter e facebook, mas isso daria outro post. Quem sabe, em breve, podemos postar sobre isso?



Recados:


Vou tirar uns dias de folga e fazer umas modificações no blog, no layout e na estrutura dele, sempre com a ajuda da minha "personal blogueira" Elaine Gaspareto.

Entre maio e junho haverá  um intervalo sem blogagem de esmaltes, pois vou postar depoimentos sobre AVÓS, conforme expliquei aqui http://www.fernandareali.com/2013/04/e-sua-avo-conte-aqui-sua-historia.html



Dia 8 de Junho = esmalte e AMOR (pode ser relato de sua história de amor, pode ser de um amor que você viu no teatro, novela, livro...) Algo que o emocione e que você gostaria de contar.



.


32 comentários:

Gise Sonhos postou o comentário número:

Que esmalte maravilhosoooo!!! Saia Justa não há quem nunca passou por uma...kkk...
Bom fim de semana...

Cláudia Pinto postou o comentário número:

kkkkkkkkkkkk Vergonhaaaaaa!!!!

Na hora é uó, dá vontade de sumir do planeta. Mas depois ... é só rir muito da situação, melhor ainda é contar para alguém. Nossa, é bom demais.

beijoooos.

Iara postou o comentário número:

A dos nomes foi ótima amiga, imagino a vontade de achar um buraco no chão e mergulhar dentro. Essa da barriga já fiz, só que a moça tava era gorda mesmo, quase murri. Nunca mais falo de gravidez de ninguém, pode até estar mas só comento se me contar, independente de estar com nove meses. Vá que.
beijos

Cristin postou o comentário número:

Saia justa é o que não falta em nossas vidas...rsrsr
Por isso sempre digo, que temos mesmo é que ter jogo de cintura na saia...rssr

Amei o esmalte,pensei em compra-lo para a postagem, mas nem fiz as unhas por falta de tempo! Mas usei a foto do esmalte Uva de outra postagem, tudo a ver com o meu post...rsrss
Bj bonita

Andreia Sales postou o comentário número:

Nossa Fernanda essa de nomes complicados é ótima. Se vc se mudar pra porto seguro vai ter um colapso pois haja criatividade pra nomes. O povo adora juntar nomes do pai e da mae e dar algo do tipo Francisneide, Solenilton e por ai vai.
Como vamos ficar sem nossa blogagem em maio??? snif já estou com saudades.
Bjks
www.maevaidosa.com/2013/05/esmalte-e-saia-justa.html

She postou o comentário número:

Oi Fê! Amei esse seu post e ri aqui contigo... quem nunca cometeu gafes? Acho que só quem nunca viveu, o que é impossível... Adorei suas histórias. Também já cometi uma gafe dessas em relação a grávida que não estava grávida... rsrs Enfim, c'est la vie! Amei também o esmalte e não conhecia essa dica de deixar o esmalte um pouco aberto para ele encorpar...
Beijo, beijo!

Clara Lúcia postou o comentário número:

Que situação Fernanda!
Tbm acho que o melhor é ser sincera e sair de fininho e não volta nunca mais.
E o pior é que a gente nunca mais esquece e nem a pessoa também nunca vai nos perdoar. Chato demais!

Não estou conseguindo postar no mosaico... o cursor não entra nos links pra postar URL nem imagem, nem meu nome....
Mais tarde eu volto.

Beijos
Até a volta então!

Clara Lúcia postou o comentário número:

Já consegui postar!
Entrei numa outra página num link que tem embaixo... e deu certo!

Ah, esmalte maravilhoso! Vemelho... amo!

LEONOR MARIA LÈO postou o comentário número:

Fernanda, vc matou a cobra e mostrou o pau: a colega que foi me dedurar pro poderoso chefão do meu causu de hoje conheci numa fila de escola...dei-lhe meu lugar por gentileza para com uma grávida, mas ela, fuzilativa, disse que não estava grávida...e nunca mais me engoliu...

Geh postou o comentário número:

Uma vez,eu trabalhava de caixa no meu outro serviço e estava no caixa preferencial. Era um dia de muito movimento, e em dias assim não se dá tempo de prestar atenção nas pessoas. Então chegou um rapaz novo para eu atender,aparentemente normal, eu grossa disse a ele: "Moço aqui é caixa preferencial, você tem que pegar a outra fila. Dessa vez vou atender, mas da próxima tenha bom senso e pegue a fila normal." Ele não me respondeu nada, só concordou com a cabeça. Quando ele se retirou do caixa, fiquei olhando ele e pude ver que ele não tinha uma perna. Fiquei tão sem graça, com peso na consciência e sem reação. O pior de tudo foi que ele podia ter falado um monte pra mim e tal, mas ficou quieto. Depois disso fiquei bem atenta e eu agora tenho o BOM SENSO!
Outra vez, um senhor veio sacar um dinheiro e no cartão estava escrito o nome de Mathilde. Eu disse a ele: " Senhor aqui só o titular da conta pode movimentar. A senhora Mathilde está aqui?". E ele sério me disse:" Está, sou eu". E me mostrou a identidade. Nem preciso mencionar o tamanho da minha vergonha,não é?? rsrsrs.
Hoje ainda dou muitas gafes, mais por situações assim, não passo mais.

bjusss

Renata Diniz postou o comentário número:

Fernanda! Aprender a levar a vida com mais leveza sempre faz muito bem. E falar pouco é prudência valiosa. Beijo e ótimo fim de semana!

Adelaide Araçai postou o comentário número:

Minha saia justa também é com nomes. Agora esta de grávida já fiz e também já passei por isso. Sempre tive seios ENORMES e quadril idem. Então, quando saiu a moda de camisões eu coloquei uma Fusô(era moda) e um camisão jeans e sai para o trabalho, na hora do almoço fui ao banco e o guardinha me viu na fila e tentou me fazer furar a fila, dada a minha "condição" eu sorri agradeci e esclareci que por não estar gravida aguardaria na fila. Ele ficou roxo de vergonha e saiu. Nunca mais usei blusões....kkk

Eu tenho esse esmalte e adoro a cor, mas ando numa "vibe" verde atualmente...rsrs

Abraços

C.helena Souza postou o comentário número:

Oi Fernanda , já ri muito com todas as saias justas da Bc de hoje me identificando com muitas delas... não estou conseguindo adicionar meu link no mosaico, será que pode tentar colocar pra mim? esse é meu link: http://artenaveia632.blogspot.com.br/2013/05/bc-de-esmalte-e-saia-justa.html
agradeço se puder...bjs.

Pepa postou o comentário número:

rsrsrs, Fernanda Indelicada ??
Wellington ainda é fraco perto de uns que tem hoje, rsrs

Esse caso de mulher grávida é muito ruim, afinal nenhuma gordinha quer passar por grávida, srrsr

Adorei essa cor, sabia que tinha um esmalte com esse nome !!!

Eba, cheguei antes das férias !!!

Bjus 1000 gata !!

Lê Pedroso - Unha de Verniz postou o comentário número:

amo o saia justa,e eu me meto em várias saia justa!
fazia tempo que eu não entrava,amo teu blog!
beijos

Francisca postou o comentário número:

Essa da barriga quase aconteceu comigo, mas fiquei com receio de comentar e depois descobri que não era gravidez, ri muito da situação só imaginando o tamanho da saia justa que quase me meti.

Bj, Fran

Indy postou o comentário número:

Cada coisa que acontece conosco heim Fer?
Só rindo pra não chorar, hehe.
Agora essa de achar que a mulher está grávida, vire e mexe vejo alguém passando por isso,hehe
Bom findi semena. Bjo

Rosana Cumpri postou o comentário número:

Esse tema é ótimo...me fez lembrar de algumas coisas.O interessante é que sempre depois nós rimos que nos acabamos...mas na hora...ahhhhhhhhhh como vc mesma disse...vergonha alheia.

Adorei a cor do esmalte...acho que tenho um aqui parecido com esse...vou procurar. Gostei mesmo.

beijos Feeeeeeeeeeeeeee

da Rô

Jussara Silva postou o comentário número:

Boa tarde! Ninguém escapa de uma saia justa. Eu vivo mexendo no meu blog seguindo as dicas da Elaine. Não aguento ficar muito tempo com o mesmo layout. Lindo esmalte!

Bom sábado! Bjs.

Jussara
http://caminhandonaarte.blogspot.com.br/2013/05/esmalte-e-saia-justa.html

Renata postou o comentário número:

Oi Fer!

Olha passei a semana toda tentando lembrar de alguma saia justa comigo e nada...mas sabia que assim que começasse a ler as estórias iria lembrar de um monte!
Esse de Silva também já aconteceu comigo... quando era novinha falei para uma tia que se casasse só colocaria o sobrenome do marido se combinasse com o Schmidt, e citei o silva como exemplo, disse que ficaria feio "Schmidt da Silva" aí ela virou e disse que esse era o sobrenome do meu tio e o nome dela tinha ficado assim...tóin!
Lendo os posts das amigas lembrei de mais algumas...

Beijos, Renata
palpitandoemtudo

Jô Turquezza postou o comentário número:

Ótima essa do nome, cada vez afunda mais rsrsrsr é melhor não consertar, né?
De grávida eu não caio, nunca falo nada.
Eu tenho esse esmalte, é lindo mesmo.
Beijos.

Luci Hora postou o comentário número:

kkkkkkkkkkkkkkkk.... Essa dos nomes foi demais! Que saia justa, hein?

luallessi postou o comentário número:

El algumas situações a saia é tão justa e aperta tanto que parece que os pulmões ficam nas coxas já que a gente perde o ar...
Ficamos tão vermelhas quanto esse seu belo esmalte :)

Luciana Aragão postou o comentário número:

Óh, é porque tu não me conhece...eu me acabo de rir na hora, seja na frente de qualquer pessoa quando cometo alguma coisa desse tipo que vc contou.
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk eu levo na esportiva sempre.

bjs

Lin Sousa postou o comentário número:

olá, é por essas e outras que aprendi a mais ouvir que falar..eu já passei por essa situação da gravidez..o chato é que ás vezes dizemos sim com vontade de dizer não..sugiro que vc faça uma blogagem esmalte e micos pq eu tenho vários pra contar...bjks LIN

Elaine Lobato postou o comentário número:

Que legal! Amei a psotagem e o tema da BC , Fernanda eu crio cada saia justa pra mim, Meu Deus, realmente ouvir mais e que falar nos garante nos deixa mais seguro de cometer de gafes!

bjs

http://elainelobato.blogspot.com.br/

Sheila Zanella postou o comentário número:

Boa boa...adorei as saias justas, morri de rir e melhor os conselhos o de ouvir mais para dar tempo pra pensar foi feito pra mim...
Também tô precisando dar uma organizada no meu blog...
Beijinhos
Sheila
http://vidasuculenta.blogspot.ie

Déa Prado postou o comentário número:

Adorei Fernanda...seu aprendizado com as gafes...
Vou tentar utilizá-los....
Era mega falante e por isso sofria várias saias justas...mas agora ando mais quietinha, ouvindo mais...rss
Beijos.
E isso aí não devemos nos envergonhar do nosso bom coração...isso eu aprendi também.

Crys Leite postou o comentário número:

Uma das minhas especialidades são os micos.

Uma vez me levantei no metrô para uma "gestante" se sentar e ela me disse que não estava grávida. Eu respondi que ela podia se sentar mesmo assim pois eu já ia descer, rs. E depois do mico realmente desci.

Uma vez falei que determinado nome era muito brega e depois descobri que era o nome da mãe de uma pessoa que estava na conversa.

E assim a vida segue, rs

Beijos.

Roseli Rosa postou o comentário número:

Oi Fernanda
Adorei o post da BC e com prazer estou participando também.
Ri pra valer, mais saia justa acontece com todo mundo.
Ótima semana pra você.
Bjs

Voltar ao topo Real Time Analytics