sexta-feira, 12 de junho de 2015

A Mágica da Arrumação - Método KonMari - #CurtiCompartilhei 1




Na estreia da blogagem coletiva #CurtiCompartilhei, vou falar de "A Mágica da Arrumação". Bagunçar, arrumar, ciclo repetitivo e cansativo. Já contei em muitos posts que sou a bagunceira arrumadinha, pois aparentemente deixo tudo nos lugares, mas em menos de dois dias já baguncei tudo de novo. Isso acontece porque tenho coisas demais.




Arruma, bagunça, guarda, procura, compra, perde, compra de novo. Quem nunca? Resolvi MUDAR minha maneira de pensar. Toda mudança requer comprometimento, e eu me comprometi a ser cada dia mais organizada. Comprei o livro A Mágica da Arrumação para seguir o método KonMari.

Resumidamente, o método KonMari manda descartar o máximo possível de coisas e arrumar simplificadamente o que sobrou. KonMari é uma palavra que vem do nome da autora do livro,  a japonesa Marie Kondo.

Você usa como critério de descarte a felicidade que os objetos podem trazer para a sua vida. Uma tampa quebrada não é útil e não traz felicidade. Por que mantê-la? Uma blusa de frio que só é usada uma vez ao ano não agrega nada à sua vida. Doe para quem vai se aquecer mais dias com ela, por exemplo.

Este livro não é bem escrito. A gente tem a impressão de estar lendo um trecho da revista Capricho ou um diário de adolescente. Mesmo assim, gostei do método, que ensina COMO DESCARTAR. Marie propõe uma sequência de descarte bem interessante e drástica, eu eu o testei em parte da casa funcionou bem. O desafio é manter este resultado.

Desde o dia em que comecei, há quase duas semanas, já descartamos aproximadamente 20 sacos de lixo de 50 litros! É muita coisa, muita. Doamos mais de 100 livros e 8kg de roupas, dezenas de objetos. 

Foram descartados: livros lidos e relidos, em bom estado, roupas limpas, dobradas e perfeitas para uso, lixo reciclável como papéis, cadernos, fios, embalagens, material de artesanato, utensílios gastos ou quebrados, produtos repetidos, cremes, bijuterias, perfumes, coisas que guardo e raramente uso.



Clique aqui e veja a gaveta dos esmaltes.
Reveja aqui outra arrumação que durou menos de duas semanas.


Frases do livro que destaquei para você:

"Quando você põe a casa em ordem, também organiza suas questões e seu passado. A consequência é que você passa a distinguir com mais clareza o que é essencial e o que é inútil."

"Arrume direito e de uma só vez."

"A melhor forma de escolhe o que descartar e o que guardar é pensar se aquilo nos faz felizes."

"Pense no papel que o item a descartar desempenha na sua vida."

"Comece pelas roupas, depois passe para os livros, documentos, itens variados e, por fim, artigos de valor sentimental (...) Ao manusear cada item de valor sentimental e decidir o que descartar você processa o seu passado."

"Colocar as coisas em ordem significa zerar tudo para poder seguir em frente."

"Quando organizamos a casa, o ar que circula fica mais limpo e fresco, mas a sujeira aparece mais, portanto fazemos faxina mais vezes. Como eliminamos a bagunça, fica bem mais fácil limpar."


Obs. Comprei o livro A Mágica da Arrumação no site Americanas.com e paguei menos de R$ 20,00 (livro e frete). Pedi à Editora Sextante que enviasse um exemplar para sortear entre os leitores do blog, mas não fui atendida. Você pode ler mais trechos do livro no site da Amazon.com.



*

Como de hábito, trago as fotos do esmalte da semana. Usei Risqué Coleção Homens que Amamos, cor Leo Trouxe Flores. Pincel largo e chato, perfeito, cobertura ótima, cor rosa escuro, quase magenta.












Obrigada pela visita, pela leitura, pela companhia!
Veja mais fotos na minha página A Gente Escolhe Ser Feliz
ou no instagram @fernandareali

Se você gostou deste post, divulgue-o, pois pode ser útil a alguém. Use a hashtag #CurtiCompartilhei.




24 comentários:

AnaCristina postou o comentário número:

preciso colocar em prática um pouco dessa teoria!

Anônimo postou o comentário número:

Fer , estou doida para ler este livro. Esta semana doei e fiz um destralhe parcial rsrsrs,mas tenho fotos e algumas peças de roupas que não desapego... estou trabalhando isso, pois é necessário.
Bjssss

Cilene.

melguinha2 postou o comentário número:

Gostei imenso da cor das unhas,desejo-te tudo de bom,minha participação está aqui http://erotismo.blogs.sapo.pt/em-tons-de-742

melguinha2 postou o comentário número:

Gostei imenso da cor das unhas,desejo-te tudo de bom,minha participação está aqui http://erotismo.blogs.sapo.pt/em-tons-de-742

Neli Rodrigues postou o comentário número:

Já ouvi falar sobre este livro. Sei que tem boas dicas e tá sendo bem comentado até em programas de tv. Organizar é um desafio diário e pra toda a vida. Não é fácil, mas necessário.
Bjs

roselia postou o comentário número:

Rsrs eu tbm! preciso aprender a me organizar melhor !..gosto das coisas arrumdas .Mais qdo vejo ja baguncei tudo .Mais amei a sua dica !!

Cláudia Pinto postou o comentário número:

Adorei o livro!!! Obrigada pelo presente!

Sou desorganizada nata, parece que não tenho cura. Me desgasto demais com isso.

Vou lê-lo e tirar o melhor dele, tomara que eu me identifique com o método.

Achei esse rosa escuro do esmalte muito chic.

beijooooo

Claudiene M.A. Finotti postou o comentário número:

Oi!
Eu nunca tinha ouvido falar desse livro, mas sem querer já ando colocando algumas coisas em prática. Já passei pelo guarda roupas, roupa de cama, sapatos, cosméticos (uns vencidos, shame, outros que nunca usarei). Agora a meta é ficar só com uma cestinha de esmaltes, doar muitos e fazer a casa ficar prática e organizada para nosso uso e da nova moradora. O ambiente me influencia diretamente, se há bagunça eu fico perdida.

Bjos e bom fds.

Clau

Adriana Balreira postou o comentário número:

Fer,
Vi esse livro comentado pelas meninas do Saia Justa. E achei o máximo! Eu adoro de vez em quando fazer uma limpa geral nas minhas coisas. Nada de ficar guardando coisinhas inuteis. Roupas que não irei mais usar, livros que não irei mais ler ou reler, bugingangas que só amontoam tudo. Acabo dando tudo e parece que a energia fica mais leve!
Ah, tentei escrever um post para colocar na blogagem e vê depois se consegui captar o objetivo do #CurtiCompartilhei .
Beijos
Adriana

Renata postou o comentário número:

Oi Fer!

Ai ai, preciso de fazer isso aqui em casa! Eu tanho um apego "imbecil" a certas coisas...simplesmente não consigo desapegar. Sei que é coisa que nem vou usar, mas ainda assim deixo lá guardada, é ridículo. Por duas vezes já coloquei para doar, mas acabaram voltando pro armário. Quem sabe agora eu não animo?

beijos, Renata
palpitandoemtudo

Lulu on the sky postou o comentário número:

Oi Fernanda,
Adorei a ideia! Quando tiver algo interessante com certeza vou fazer.
Big Beijos

Cantinho da Zazá postou o comentário número:

Oi Fernanda!
Você chamou e eu vim!
Tô de volta!!!!!!!!!!!
Semana passada fui até a Livraria Cultura e saí de lá com este livro. Chegando em casa a leitura foi imediata e os efeitos também!
O método é muito bom. Fazer TUDO de uma só vez e pronto!
Organizar. Manter.

Parabéns por mais esta Blogagem Coletiva. Que este seja um novo ponto de encontro e que todas nós possamos nos reunir novamente!

Sucesso e desde já uma BOA SEMANA!

Bjs

Zazá


Juliana Ramalho postou o comentário número:

Esse livro é muito bom faz a gente ter noção da ligação que temos com os objetos.
Eu faz dois anos que ando desentulhando a casa e mesmo assim ainda tem o escritolier que preciso desentulhar e doar para obras que fazem uso de reciclagem e materiais de artesanato. Que não vou fazer. Se voltar a fazer vai ser com aula e projetinhos.
Acho que tenho relação com minhas coisas mas rompi, mesmo sofrendo dei fim em muita coisa doei. Até troquei todos os móveis da casa um tempo atrás e vendi, doei o resto.
Precisamos melhorar a questão da compra das coisas temos muito, e de viagem também mudar pois tenho muita coisa que trago e me arrependo. Ocupa espaço.
O esmalte é um tom feliz e fresco, colorido na vida.
Espero melhorar logo e participar beijos

Estela Vidal Ribeiro postou o comentário número:

Acho que preciso urgentemente desse livro. Arrumo, arrumo, arrumo e as coisas continuam bagunçadas por aqui. Ui!
Beijo!

Joyce Caldas postou o comentário número:

Adorei o esmalte na unha. Não comprei porque achei parecido com o Grão de Café, também da risque, mas é mais claro.

http://dicasde-maquiagem.blogspot.com.br

Pérolas da Bia postou o comentário número:

Preciso deste livro urgente!!Comecei a fazer uma arrumação aqui em casa, joguei muita coisa fora,mas ainda tem mais!!
Estou reformando meu escritório e aproveitei pra eliminar aquilo que não me serve mais!!
Bjs

Elaine Gaspareto postou o comentário número:

Fernanda, isso é muito verdade: enquanto a gente arruma as coisas parece que arruma a cabeça, as coisas internas.
Já percebeu como a sensação de bem estar aumenta quando tudo está arrumado?
Parece até que os problemas se dissolvem rsrsr

beijossss

Pepa postou o comentário número:

Oi Fernanda, é a Vi, sou tipo você, no quesito arrumo e desarrumo, só que faço isso em questão de minutos..kkkk
Mas no quesito desapegar estou nesse processo a algum tempo e creio que foi o fato de perder minha mãe que desencadeou essa mudança..
Sem duvida fica mais facil ter controle das coisas e mante-las limpas quando tudo esta organizado.
Beijos,Vi

O meu pensamento viaja postou o comentário número:

Fernanda, sou a Nina, portuguesa, e cheguei aqui pela "mão" da Elaine Gaspareto.
Adorei e fiquei como sua seguidora.
Se quiser visitar-me será um prazer!
Beijo

Gélia Carvalho postou o comentário número:

Oi Fernanda adorei, adorei mesmo rsrsrsrs, menina, eu sou uma bagunceira como vc rsrsrsr, eu arrumo e em dois dias ou menos bagunço, meu homme office que o diga, faço uma limpa, uma revolução e logo estou com a mesa bagunçada, vou arrumar ja já só pq falei isso, tb gosto muito de doar, até que eu não sou apegada a coisas materiais, mas depois que passei a me meter a fazer algum artesanato algo assim, acabo acumulando coisas que pretendo fazer, mas faz um tempinho que estou colocando tudo para uso e se tenho uma garrafa PET para fazer um artesanato e eu não vou fazer dentro de uma semana eu descarto, se não fica parecendo a casa da mãe Lucinda eu tenho usado o método flylady vc conhece, eu daptei algumas coisas para minha realidade mas eu gostei muito e la fala-se muito em destralhar.

na próxima semana estarei aqui

Beijocas boa semana

Lin Sousa postou o comentário número:

olá.. boa ideia .. pena que minha 3 g da oi também é uma bosta.. mas me interessei pelo livro .. bjks LIN

Desentupidora Londrina postou o comentário número:

Acho que todos temos pelo menos uma gaveta como a sua! E achamos perfeitamente normal. Mas a verdade é que a organização dos objetos pessoais ajuda muito em nossa rotina.
Parabéns pelo post.

Telma Maciel postou o comentário número:

Fiz isso a pouco tempo aqui em casa. Separei um monte de livros tbm (e estou morrendo de pensar em doá-los, vendê-los ou qquer coisa do tipo, mas fico pensando tbm em pq ficar com eles se a intenção é ler novos! Mas alguns ficam por ter algo sentimental mesmo... rs e pq tenho intenção de ler novamente!). Pra organizar, baguncei MUITO! Tirei umas caixas que estavam cheias de coisas guardadas e fui separando coisas pra jogar fora, sem emoção! Funcionou! De três caixas reduzi para uma, que ficou como arquivo.
Já fiz nas roupas de todos aqui em casa (algumas estão separadas para doações específicas outras para irem não sei pra onde rs) e nos papeis, mas ainda falta um bocado de lugar (como DVD's, brinquedos...)
Minha mãe comentou sobre esse livro comigo ontem e já mandei seu link pra ela dar uma olhada tbm! O livro não é caro mesmo... mas sacanagem a editora não mandar pra poder sortear... maldade... :p
Beijo

Voltar ao topo Real Time Analytics