Mostrando postagens com marcador Livros e Filmes. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Livros e Filmes. Mostrar todas as postagens

sexta-feira, 12 de junho de 2015

A Mágica da Arrumação - Método KonMari - #CurtiCompartilhei 1




Na estreia da blogagem coletiva #CurtiCompartilhei, vou falar de "A Mágica da Arrumação". Bagunçar, arrumar, ciclo repetitivo e cansativo. Já contei em muitos posts que sou a bagunceira arrumadinha, pois aparentemente deixo tudo nos lugares, mas em menos de dois dias já baguncei tudo de novo. Isso acontece porque tenho coisas demais.




Arruma, bagunça, guarda, procura, compra, perde, compra de novo. Quem nunca? Resolvi MUDAR minha maneira de pensar. Toda mudança requer comprometimento, e eu me comprometi a ser cada dia mais organizada. Comprei o livro A Mágica da Arrumação para seguir o método KonMari.

Resumidamente, o método KonMari manda descartar o máximo possível de coisas e arrumar simplificadamente o que sobrou. KonMari é uma palavra que vem do nome da autora do livro,  a japonesa Marie Kondo.

Você usa como critério de descarte a felicidade que os objetos podem trazer para a sua vida. Uma tampa quebrada não é útil e não traz felicidade. Por que mantê-la? Uma blusa de frio que só é usada uma vez ao ano não agrega nada à sua vida. Doe para quem vai se aquecer mais dias com ela, por exemplo.

Este livro não é bem escrito. A gente tem a impressão de estar lendo um trecho da revista Capricho ou um diário de adolescente. Mesmo assim, gostei do método, que ensina COMO DESCARTAR. Marie propõe uma sequência de descarte bem interessante e drástica, eu eu o testei em parte da casa funcionou bem. O desafio é manter este resultado.

Desde o dia em que comecei, há quase duas semanas, já descartamos aproximadamente 20 sacos de lixo de 50 litros! É muita coisa, muita. Doamos mais de 100 livros e 8kg de roupas, dezenas de objetos. 

Foram descartados: livros lidos e relidos, em bom estado, roupas limpas, dobradas e perfeitas para uso, lixo reciclável como papéis, cadernos, fios, embalagens, material de artesanato, utensílios gastos ou quebrados, produtos repetidos, cremes, bijuterias, perfumes, coisas que guardo e raramente uso.



Clique aqui e veja a gaveta dos esmaltes.
Reveja aqui outra arrumação que durou menos de duas semanas.


Frases do livro que destaquei para você:

"Quando você põe a casa em ordem, também organiza suas questões e seu passado. A consequência é que você passa a distinguir com mais clareza o que é essencial e o que é inútil."

"Arrume direito e de uma só vez."

"A melhor forma de escolhe o que descartar e o que guardar é pensar se aquilo nos faz felizes."

"Pense no papel que o item a descartar desempenha na sua vida."

"Comece pelas roupas, depois passe para os livros, documentos, itens variados e, por fim, artigos de valor sentimental (...) Ao manusear cada item de valor sentimental e decidir o que descartar você processa o seu passado."

"Colocar as coisas em ordem significa zerar tudo para poder seguir em frente."

"Quando organizamos a casa, o ar que circula fica mais limpo e fresco, mas a sujeira aparece mais, portanto fazemos faxina mais vezes. Como eliminamos a bagunça, fica bem mais fácil limpar."


Obs. Comprei o livro A Mágica da Arrumação no site Americanas.com e paguei menos de R$ 20,00 (livro e frete). Pedi à Editora Sextante que enviasse um exemplar para sortear entre os leitores do blog, mas não fui atendida. Você pode ler mais trechos do livro no site da Amazon.com.



*

Como de hábito, trago as fotos do esmalte da semana. Usei Risqué Coleção Homens que Amamos, cor Leo Trouxe Flores. Pincel largo e chato, perfeito, cobertura ótima, cor rosa escuro, quase magenta.












Obrigada pela visita, pela leitura, pela companhia!
Veja mais fotos na minha página A Gente Escolhe Ser Feliz
ou no instagram @fernandareali

Se você gostou deste post, divulgue-o, pois pode ser útil a alguém. Use a hashtag #CurtiCompartilhei.




sexta-feira, 22 de maio de 2015

Sinto gratidão pelos detalhes #ASemana 21


Procuro sentir GRATIDÃO todos os dias e pelas menores coisas, como na hora de um banho quente, de uma refeição, na mordida de uma fruta suculenta. Há um tempo, venho nutrindo este sentimento de agradecer mentalmente por cada detalhe. A percepção do BOM e do BEM no momento em que eles acontecem o fazem maiores.


Agradeci por muitas coisas e também pela companhia das amigas, que me fizeram dar boas risadas. Obrigada às que criam camisetinhas e as que pintam madeira comigo.  Veja a linda pintura que minha colega Olga Maria fez em nossa aula:



Vi "O Exótico Hotel Marigold 2" e adorei tanto quanto o 1. Sabe um filme alegre, colorido, com boa música e ótimos atores? Pois é este. Diversão garantida, para ver e rever.

trailer AQUI


Voltei a controlar a alimentação, que estava recheada de vinhos, queijos e doces da viagem a Paris. Pois nesta semana teve linhaça dourada, espinafre, abacate, muitos chás e 5 frutas diferentes ao dia. Resultado: em sete dias, perdi um quilo. Odeio abacate, mas vou comer pelo menos 3x na semana, porque faz bem ao coração.


Tirei boas ideias deste livro Receitas Rápidas



Os filhos pedem espaguete à bolonhesa todas as semanas



Inspirada nesta foto, servi pastinha de cottage com brotos de trevo sobre torradas.


O esmalte Mavala Paris cor 3 é um vermelho melancia bem alegre, excelente.



Para fechar este post, deixo a sugestão de receita rápida, fácil e muito gostosa: Crepioca


Bati um ovo com 4 colheres de tapioca em pó e 1 col de farinha de linhaça dourada, pitada de sal e pimenta do reino. 

Untei a frigideira com uma gota de óleo, aqueci e preparei como se fosse uma panqueca fininha, um crepe. Recheei com uma fatia de queijo minas lac free e meia fatia de presunto magro. No outro dia, fiz sem presunto, apenas com queijo sem lactose e espinafre.




Obrigada pelas visitas, comentários, mensagens. A troca positiva que o blog proporciona é sensacional, e é mais um motivo de gratidão.


Viva de forma simples e permaneça grato. 


*

sábado, 16 de maio de 2015

Turistando em Paris #ASemana 20



Passamos a semana turistando em Paris. Era para ter sido uma viagem a Lisboa, que ainda não conhecemos, mas uma promoção da Air France nos fez mudar o roteiro em cima da hora. Rever Paris é sempre bom, e a cidade está lotada nesta primavera.


Vista do rio Sena pela janela no Museu do Louvre


Passeio de barco pelo rio Sena. Nunca tinha conseguido fazer este pequeno passeio, porque das outras vezes era muito frio ou chovia. Desta vez, fazia sol e estava 22 graus. Perfeito!



À medida que o barco faz seu roteiro de uma hora, o alto falante descreve a paisagem em diversos idiomas. Uma turistada que vale muito a pena, pois a gente vê a cidade de outros ângulos.




Frio de 12 graus no primeiro dia, calor de 30 graus no penúltimo, maioria do tempo com sol de primavera, tudo florido.




Fomos a diversos museus, um por dia, e aproveitamos cada minuto do Museum Pass, que oferece bons descontos e agiliza a entrada nos livrando de filas. 



Crianças vendo as obras de Picasso no Museu de L'Orangerie.



Exposição sobre os Irmãos Lumière e a invenção do cinema no Grand Palais. Clique e passeie por lá!



Da Sacré Coeur de Montmartre, temos a vista da cidade. Seguimos o roteiro do site Conexão Paris e fomos pelas ruas laterais e escadaria, ao contrário das outras vezes, em que fomos pela frente (clique e relembre).



Escultura Aranha Vermelha (L'Araignée Rouge), de Alexander Calder,  no bairro super moderno de La Defense.




Passeei muito, comprei pouco, me diverti demais.



Impossível resistir ao precinho de 5 euros dos livros de colorir, mas só trouxe dois.



Trouxe uma máscara de tratamento para usar após lavar os cabelos e spray para usar antes de secar com o secador, ambos para dar mais volume.  Depois conto se funcionaram.



Gel de limpeza sem álcool e sem parabenos. Vou testar e digo se deu certo. Ando com a pele áspera desde setembro do ano passado, quando tive uma alergia. 




Tivemos  um momento super agradável no Cafe Saint Honoré. Recomendo. Comida boa e atendimento simpático.



Na próxima semana, mostro os esmaltes e mais fotos.


Contei aqui que fiz esmaltação com gel para viajar (leia). O brilho do esmalte Gelish permaneceu intacto nestes 10 dias, mas como minhas unhas crescem rapidamente, logo apareceu a parte branca perto da raiz. Retoquei em casa com esmalte Alfaparf Moda. 



Mão esquerda coberta com esmalte Alfaparf, mão direita somente com o Gelish

Castanho escuro, quase preto. Não consegui ver o  nome da cor.



Mais fotos da semana em A Gente Escolhe Ser Feliz.


Dicas ótimas sobre Paris no site Conexão Paris

O bom e o barato de Paris #Dicas


*

sábado, 2 de maio de 2015

Como ser uma parisiense #ASemana 18



Foi uma semana cheia de coisas para organizar e não consegui fazer tudo. Arrumei parte dos armários, separei uma malinha de roupas para doar quando formos a Porto Alegre no inverno, fiz nossas malas para uma viagem que faremos no Outono.

Seguem dicas divertidas: repetir roupa, ser uma parisiense e deixar que simplesmente aconteça. Vou explicar melhor.

√  Dica 1
Tenho poucas roupas, repito as mesmas e outras ficam nas gavetas. Gosto de sites que ensinam a repetir roupas com certa criatividade, e há muitos. Clique e se inspire.






√  Dica 2
Livro gostoso: "Como ser uma parisiense em qualquer lugar do mundo". Não é um manual de comportamento e nem um livro de etiqueta. É uma sucessão de textos leves, irônicos, inspiradores. Foi uma leitura muito agradável.





"Cara feia: ficar emburrada é uma punição sobretudo para você mesma. Cara feia é perda de tempo, energia desperdiçada, que poderia ser utilizada de forma criativa." 

Somente por este trecho, eu já recomendaria este livro, mas há outras páginas bacanas.



"Conheça seus defeitos. Cultive-os em segredo, mas não se apaixone por eles".





No adultério perfeito:

"Espalhe o amor: traia o amante com o seu marido". 



Diversão garantida, não é mesmo? No site da Editora Objetiva há trechos em PDF (veja aqui)




√  Dica 3 
Não tem sobrado tempo para ir ao cinema, coisa que me faz falta, então tenho visto filmes em casa no site Filmes on Line Grátis. 

Adorei esta comédia romântica Love, Rosie, que no Brasil foi renomeada como "Simplesmente Acontece". Gente fofa, sotaque britânico, final feliz. Perfeito para um Domingo à tarde. Faz uma semana que o vi e já quero revê-lo!


Assista aqui.


Se desejar ver online, gratuitamente, clique na flechinha de "PLAY", não clique em assistir ou baixar. Observe:





Nas fotos, usei esmalte Amore, da marca DNA Italy, cor vermelho com toque rosado. Adorei a cor e a consistência, mas o pincel não é muito bom, pois é fininho demais. Comprei-o por menos de R$ 4,00.



Como foi sua semana? Pintou, bordou, leu, doou,ouviu,cozinhou, sonhou, gargalhou? Tomara que sim. 




sábado, 25 de abril de 2015

Simplicidade é a Base #ASemana 17



Atualizando

A querida Leo Fogaça me alertou que eu havia escrito semana 18 enquanto deveria ter escrito semana 17. ela está certa.Obrigada, amiga! O lapso aconteceu porqueesta seria mesmo a semana 18, se eu não tivesse deixado de postar um dias atrás. Título corrigido, vamos em frente!


Nesta semana, comi batata frita, tomei chope e comi pastéis, mas tudo em pequenas quantidades. Tivemos feriado na terça-feira e na quinta-feira, acabei almoçando na rua, por isso abusei um pouco das frituras. Esta comidinha é de um restaurante onde como quando vou à Saara. Gosto das saladas fresquinhas, do peixe e da batata frita.



Semana de feriado, aproveitei para passear e pintar. Pintei muita coisa, mas não concluí nada. Estes dois sousplats redondos serão pendurados na varanda quando estiverem prontos. Faltam os desenhos e muitas camadas de tinta. Aqui você vê apenas o esquema de cores que a professora Odila idealizou.



Cor de laranja, cor de coral, vermelho alaranjado: assim é a nova cor da Mundial Impala, chamada Abafa o Caso. Combinou bem com as pinturas em madeira.



Comecei hoje a ler o terceiro volume de "Pensar nos faz bem", de Mario Sergio Cortella. Adoro este escritor e sempre o cito, porque me identifico demais com o que ele escreve.



Saiba mais: já citei Cortella aqui (clique), aqui e aqui.

"Gostaria de viver como um pobre com um monte de dinheiro" disse Picasso.  E Cortella analisou: Viver como um pobre, isto é, com uma vida mais simples, mas que ele não tivesse a miséria, isto é, não tivesse a carência insolúvel. Boa ideia de simplicidade, não ter carências insolúveis, mas tendo a pobreza como sendo o ideal também.



Eu penso assim: viver bem, comer bem, passear bem, ler bem, consumir bem, todo mundo quer, mas é importante mantermos em mente que a simplicidade sempre é a base, o chão firme. O luxo é mais volátil.



Durantea semana, mudei três vezes de esmalte, o que mais gostei foi o Em Off, da Mundial Impala.


Rogeria Thompson também aprovou a cor:


Você gostou?



*


sexta-feira, 17 de abril de 2015

Acenda Muitas Velas #ASemana 16


Abri o livro 365 Dias Extraordinários aleatoriamente, e a frase foi exatamente aquela de que eu estava precisando:


"Uma única vela pode acender milhares de velas, e não vai durar menos por isso. A felicidade nunca diminui por ser compartilhada."


O esmalte é do da semana passada, que mostrei neste post- clique.


Estava chateada, e pensei em me encher de pequenas alegrias, para ver se conseguia mudar a sensação, e consegui. Pensei em ser "a vela" que ilumina e que acende um sorriso em alguém. Deu certo!

Tendo este pequeno objetivo diário, acender um sorriso ao dia em alguém, transformei a minha semana para melhor. A felicidade completa não perdura, há percalços, mas as pequenas felicidades do dia a dia podem compor um mosaico de dia feliz. Concentre-se nisso. Também me cerquei de pessoas que acrescentam algo positivo à minha vida.

Trecho de um livro da escola dos filhos, baseado em "Os 7 hábitos dos adolescentes altamente eficazes" de Sean Covey.



Recebi um presente da Mundial Impala: a nova coleção Meus Segredos, com cores ideais para o Outono / Inverno. Este branco tem micropartículas rosadas, e tem o efeito transformador. Eu o apliquei sobre o roxo escuro que estava na semana passada, e ele passou a ser um violeta claro.



Levei-os para o encontro de blogueiras e cada uma escolheu um.


Acompanhe as novidades da Mundial Impala clicando no InstagramO pincel FLAT, largo e chato, é perfeito, facilita a esmaltação. O roxo "Ninguém  é fosco, por isso usei um top coat extra brilho. No vidro, é ainda mais bonito, mais azulado, e nas unhas o tom vinho prevalece.



Combinou bem com as pinturas do livro O Jardim Secreto, até no nome, já que a coleção da Impala se chama Meus Segredos.



Resolvi imprimir uma desenho de flores,  ampliado e inspirado no livro, para aplicar em um centro de mesa em MDF. Se estiver pronto na semana que vem, fotografo para mostrar.




Na aula de pintura, comemoramos os aniversários de abril e os 14 anos do Atelier Odila Freire. Tortinhas, espumante, café e boas histórias fizeram nossa tarde mais feliz.





No encontro de blogueiras do dia 17 de Abril



Ganhei dois escorredores em cor turquesa. Um foi usado como luminária, outro como fruteira. Adorei o resultado.  Obrigada, Cláudia!




Ganhei livros, levei outros para trocar, troquei esmaltes, ri e aproveitei cada segundo do curto tempo que passei com as amigas. 

Ao longo da semana, acendi algumas "velas", e a chama da minha vela particular ficou ainda mais intensa.

Acompanhe as novidades e veja mais fotos em 


Voltar ao topo